Notícias Placares ao vivo
Flamengo

Ramon, do Flamengo, atropela ciclista, morto a caminho do hospital

15:42 BRT 05/12/2021
Carro de Ramon, do Flamengo, batido após atropelamento
Jogador se envolve em acidente com entregador de aplicativo que morre a caminho do hospital

Ramon, do Flamengo, atropelou um ciclista na noite do último sábado, na Avenida das Américas, no Rio de Janeiro. A vítima, um entregador de aplicativos de 30 anos, morreu a caminho do hospital.

Após o acidente, Ramon permaneceu no local, chamou socorro e depois foi prestar depoimento em uma delegacia. O atropelamento ocorreu por volta das 20h30 do último sábado.

O Flamengo prestou auxílio jurídico a Ramon por telefone num primeiro momento. Em contato com jornalistas durante o pleito que confirmou a reeleição do presidente Rodolfo Landim, dirigentes do clube lamentaram a situação.

Ramon tem 20 anos e é formado na base do Flamengo. O lateral-esquerdo fez no total 24 partidas nesta temporada. Ele estreou entre os profissionais em 2018.

Ramon publicou o seguinte comunicado na tarde deste domingo por meio de sua equipe de comunicação:

"Primeiramente preciso lamentar o trágico acidente no qual me envolvi na noite do último sábado (04), na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Acidente este que acabou vitimando o sr. Jônatas Davi dos Santos.

Reafirmo o respeito às leis de trânsito e ressalto que estava dentro da velocidade permitida, quando fui surpreendido por Jônatas, que estava em uma bicicleta. Reforço que, logo após o acidente, acionei o socorro e permaneci no local prestando todo o auxílio e informações às autoridades. Em depoimento na 16ª Delegacia de Polícia, na Barra da Tijuca, me coloquei à disposição para colaborar com as investigações do caso.

Nesse momento de dor e sofrimento para todos os envolvidos, estou buscando forças para auxiliar em tudo o que for necessário a família da vítima. Estamos em contato com a família do Jônatas para dar o suporte necessário e colaborar com possíveis despesas do sepultamento. É um momento de muita tristeza e comoção, mas também é um momento de respeito e amor ao próximo. Vamos passar por isso juntos."