Notícias Placares ao vivo
Chelsea

Abramovich irá vender o Chelsea - agora, quem pode comprar o clube?

17:06 BRT 02/03/2022
Roman Abramovich Chelsea owner
Russo irá abrir mão dos Blues, que detém controle desde 2003; bilionário suíço pode ser o novo dono

Após ter anunciado que se afastaria do comando do Chelsea, Roman Abramovich anunciou nesta quarta-feira (2), por meio de nota oficial, que o clube está à venda.

O empresário tem histórias ligadas ao presidente Vladimir Putin, o que acabou manchando sua visão após o início do confronto entre Rússia e Ucrânia. Além disso, o governo do Reino Unido anunciou que faria sanções contra empresários russos após o início das invasões da Rússia no território ucraniano.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Em nota oficial, Abramovich afirmou que irá criar uma fundação de caridade, onde todos os lucros da venda do Chelsea serão doados para as vítimas da guerra da Ucrânia.

Como a saída de Abramovich influencia no Chelsea?

O correspondente da GOAL no Chelsea, Nizaar Kinsella, relatou que, mesmo com a saída do empresário russo, o dia a dia do clube continuarão parecidos: "Os curadores vão intervir e resolver quaisquer problemas que o proprietário Roman Abramovich normalmente faria."

"Deixa aberto que Abramovich pode retornar a Stamford Bridge no futuro. No entanto, trata-se principalmente de se dissociar dos Blues o máximo que puder nesse meio tempo."

"Resta ver se isso é suficiente para acabar com a associação do clube com Abramovich aos olhos do governo do Reino Unido, que poderia sancionar o dono do clube no caso de uma nova escalada de violência do presidente da Rússia, Vladimir Putin".

Qual o valor para compra do Chelsea?

Após o primeiro grande investimento no clube em 2003, quando Roman Abramovich comprou o Chelsea por 300 milhões de libras (R$ 2,063 bilhões, na cotação atual), o clube passou a valer muito mais após quase 20 anos de cuidados do empresário.

Foram cerca de 2 bilhões de libras (R$ 13,76 bilhões) injetados ao longo dos anos. Por isso, o clube vale algo bem próximo ao investimento feito: estimasse que, para comprar o Chelsea, sejam necessários cerca de 1,5 bilhão de libras (algo equivalente a R$ 10,32 bilhões).

Quem pode comprar o Chelsea?

Um dos nomes cogitados para tomar a posse de grande investidor do clube inglês é o suíço Hansjorg Wyss. O bilionário confirmou ao jornal Bliss que ele e outras três pessoas foram notificados para a compra dos Blues: "Recebemos uma oferta na terça-feira para comprar o Chelsea de Abramovich. Eu tenho que esperar quatro a cinco dias agora. Abramovich está pedindo demais. Você sabe, o Chelsea deve a ele £ 2 bilhões. Mas o Chelsea não tem dinheiro. A partir de hoje, não sabemos o preço de venda exato."

Wyss afirma ainda que o valor do Chelsea está alto, mesmo com seu rico patrimônio de 4,6 bilhões de libras (R$ 31,64 bilhões): "Se eu comprar o Chelsea, então será com um consórcio composto por seis a sete investidores."

Aos cuidados do clube, estão agora o ex-goleiro Petr Cech, multicampeão, considerado um dos maiores em sua posição na Premier League, e Marina Granovskaia, diretora executiva e uma das peças fundamentais para o sucesso do Chelsea nos últimos anos.