Notícias Jogos
São Paulo

Incerteza sobre futuro causa incômodo em atletas do São Paulo

15:54 BRT 10/10/2022
Rafinha São Paulo 2022
Tricolor paulista tem ao menos seis jogadores em fim de contrato. Diretoria quer conversar com os atletas somente depois do Brasileirão

A indefinição do São Paulo sobre renovações contratuais causam incômodo em alguns atletas. O clube deve ter uma conversa definitiva com seis jogadores ao término do Campeonato Brasileiro a respeito dos vínculos, como antecipou a GOAL.

O lateral direito Rafinha, o zagueiro Miranda, o lateral esquerdo Reinaldo e o atacante Éder têm acordos até dezembro de 2022. O zagueiro Luizão tem contrato até 31 de janeiro de 2023, e o meio-campista Igor Gomes possui vínculo até março de 2023.

As conversas sobre os atletas foram paralisadas recentemente e serão retomadas somente a partir de 13 de novembro, data de encerramento do Brasileirão. A diretoria mostrou desejo de ficar com Miranda, Luizão e Igor Gomes por mais tempo. Entretanto, as conversas só acontecerão a partir da data prevista inicialmente pela cúpula.

Éder ainda não foi informado sobre o desejo da diretoria, mas já tem indicação de que não seguirá no CT da Barra Funda em 2023. O atacante, inclusive, já avalia com o estafe o que fazer a partir do ano seguinte. Ele não faz parte dos planos do departamento de futebol para a temporada que se aproxima.

Em que pese a definição sobre o quarteto, as questões de Reinaldo e Rafinha ainda têm indecisão. O lateral esquerdo e o lateral direito não têm posição por parte da diretoria e aguardam a conversa sobre o futuro.

Reinaldo e Rafinha gostariam de seguir no São Paulo por mais tempo. Entretanto, não sabem ainda como departamento de futebol e comissão técnica trabalharão em relação a isso.

Rogério Ceni é constantemente consultado pelo presidente Julio Casares e o diretor de futebol Carlos Belmonte Sobrinho sobre a próxima temporada. O treinador participa ativamente da definição sobre o grupo.