Notícias Placares ao vivo
Premier League

Cristiano Ronaldo responde quem o critica no United e diz que não para após 40 anos

16:42 BRT 25/02/2022
CRISTIANO RONALDO MANCHESTER UNITED
O atacante português citou sua estatística de gols e mantém o foco para conquistar títulos

Apesar de já ter garantido o seu lugar na eternidade do futebol, Cristiano Ronaldo ainda quer mais. E discorda de quem critica o seu desempenho nesta atual temporada, marcada especialmente pelo retorno ao Manchester United.

Em 29 jogos considerando todas as competições, o português marcou 15 gols e deu três assistências na atual campanha. No entanto, CR7 teve seu desempenho criticado no empate por 1 a 1 contra o Atlético de Madrid, no jogo de ida das oitavas de final da Champions League, iniciou 2022 com uma seca de gols pouco comum em sua carreira e vê sua equipe atual apenas na quarta posição na Premier League, longe da disputa pelo título inglês.

Futebol ao vivo ou quando quiser? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Ainda assim, Cristiano mantém a confiança alta e discorda dos seus críticos. Cita os seus números na temporada, com destaque especial para os seis gols marcados na Champions League que foram decisivos para que o Manchester United evitasse uma eliminação ainda na fase de grupos do certame.

“Não preciso dizer que sou muito bom, porque os números estão aí” disse o camisa 7 em entrevista ao DAZN. “Acho que não decepcionei as expectativas, porque talvez as pessoas estivessem à espera de um Cristiano diferente e não, foi ao contrário. Cheguei bem, marcando gols, principalmente na Liga dos Campeões, onde marquei em todos os jogos”, completou.

Aos 36 anos, Cristiano Ronaldo não é mais um jovem. Mas ainda pensa em jogar por mais quatro ou cinco anos. Ou seja, mesmo após superar a barreira das 40 primaveras completadas.

“É difícil dizer que não quero mais, porque se estou num clube que me dá a oportunidade de ganhar mais coisas, por que não? E na seleção também. Sei que não tenho muitos anos jogando, mais quatro ou cinco, vamos ver, e quero ganhar mais coisas”, disse.

“Minha vida foi uma jornada muito bonita. Deixei uma marca em todos os lugares em que estive. Acho que não há jogador na história que possa se orgulhar de dizer que onde quer que ele tenha ido, deixou uma marca, e isso me deixa feliz”, sentenciou CR7.