Notícias Jogos
Real Madrid

Casillas posta que é gay no Twitter, apaga post e diz que foi hackeado: o que aconteceu?

12:40 BRT 09/10/2022
Iker Casillas
Ex-goleiro do Real Madrid e da seleção espanhola pede desculpas à comunidade LGBT após post nas redes sociais e diz que teve conta hackeada; entenda

O ex-goleiro Iker Casillas, ídolo do Real Madrid e campeão da Copa do Mundo com a Espanha em 2010, publicou em suas redes sociais que é gay, neste domingo. “Espero que me respeitem: sou gay", dizia o post, junto com a tag #felizdomingo. Horas depois, a mensagem foi apagada e Casillas veio a público novamente, através do Twitter, para dizer que sua conta havia sido hackeada. Mas, afinal, o que aconteceu?

Após a publicação da primeira mensagem, às 9h10 de Brasília, a imprensa espanhola começou a especular várias teorias sobre qual seria a verdadeira razão da mensagem. A mais comentada diz respeito sobre a possibilidade de o ex-goleiro ter publicado o conteúdo em reação ao excesso de boatos que envolvem seu nome a possíveis relacionamentos com celebridades da Espanha.

Desde que o ídolo do Real terminou sua relação com a jornalista Sara Carbonero – com quem foi casado por cinco anos e possui dois filhos –, nomes como as atrizes Alejandra Onieva e Melyssa Pinto, a estilista Rocío Osorno e até mesmo a cantora Shakira já foram apontadas como namoradas do ex-goleiro.

Assim, o post envolvendo sua homossexualidade seria uma manifestação supostamente irônica para afastar os rumores sobre seus relacionamentos.

Contudo, algumas horas após a publicação, o goleiro escreveu que sua conta havia sido hackeada e pediu desculpas à “comunidade LGBT”.

Nas muitas respostas à publicação inicial, uma se destacou. O zagueiro Carles Puyol, ex-Barcelona e companheiro de Casillas na seleção da Espanha, escreveu "É hora de contar nossa história", acompanhado de um emoticon de coração e um de beijo. Pouco depois, o zagueiro pediu desculpas à comunidade LGBT pela "piada infame".